ODONTOLOGIA: O Paciente Odontológico na Melhor Idade

Jornal Saúde Serrana


Hoje, com a medicina avançando a passos largos, as pessoas estão vivendo mais e chegando a melhor idade ainda tendo uma vida social movimentada. A odontologia de 40 a 50 anos atrás, era somente curativa, não tendo a preocupação de orientar e prevenir os problemas bucais. Isto está demonstrado nos pacientes que agora passaram dos 60 anos e não tem mais os seus dentes.
Eles necessitam de tratamentos com a utilização de próteses totais (dentaduras). Para obter uma harmonia e recuperação da estética e função mastigatória adequada, o ideal é a escolha de um dentista especialista em prótese dentária. Estes pacientes, por já usarem próteses, as mesmas apresentam-se desgastadas pelo uso, o que compromete toda a estética do rosto deixando a pessoa com aparência envelhecida.
A prótese confeccionada adequadamente dá ao paciente uma aparência mais jovial. O dentista especialista em prótese dentária pode lançar mão de técnicas de restauração da dimensão vertical perdida (alongar a face do paciente), para com isso diminuir as marcas de expressão e proporcionar harmonia da face.
O dentista pode também com um posicionamento mais adequado dos dentes da prótese, aumentar o suporte dos lábios, o que resultará em um levantamento do nariz e suavidade das rugas em torno da boca.
A cor, a forma e o tamanho dos dentes também influem na estética. Dentes menores, arredondados e mais claros normalmente são usados em pacientes do sexo feminino para dar delicadeza e suavidade. Hoje há técnicas que permitem a escolha da cor da gengiva da “dentadura”, ficando idêntica a cor da gengiva do paciente.
A inobservância do posicionamento, tamanho e forma adequada dos dentes na prótese total pode acarretar disfunção mastigatória, dores articulares (ATM- Articulação Têmporo Mandibular) e dores de cabeça, prejudicando a saúde do paciente. O paciente deve ser instruído quanto aos cuidados com a prótese total (dentadura), uso de escova macia, pasta não abrasiva e atenção no momento da limpeza, para evitar queda. Não utilizar água quente para evitar danificar a prótese dentária e em casos especiais a utilização de pastilhas efervescentes específicas para a higiene das próteses. Uma prótese quando bem executada, pode representar para o paciente o resgate de sua autoestima, ganhando com isso uma “plástica” estética sem o ônus de uma cirurgia.
Dr. Márcio Antonio Araldi
Especialista em Prótese Dentária
CRO 2177
marcioaraldi@ibest.com.br



Por Jornal Saúde Serrana (contato.saudeserrana@gmail.com)
O maior veículo de comunicação da sáude da serra catarinense.



Links Patrocinados

Previsão do Tempo


Hoje em Lages, SC:
Dia de sol, com geada ao amanhecer. As nuvens aumentam no decorrer da tarde.


MÁX: 16°C  MIN: 3 °C
veja a previsão completa